sábado, 6 de fevereiro de 2010

Praia de nudismo

Daqui a alguns meses, vai acontecer um encontro de estudantes de letras na UFPB, em João Pessoa. Daí vai rolar o que se espera de um encontro de estudantes: apresentação de trabalhos, debates sobre movimento estudantil... e passeios turísticos, naturalmente. Na comu do Orkut dedicada ao evento, rola um tópico sobre um dos destinos. Ponta do Seixas, a localidade mais oriental do País? Não. As praias de Tambaú e Cabo Branco? Bom, praia até que é, mas não fica em Jampa (1), e sim numa cidade próxima, Conde. Seu nome: Tambaba. Galera curiosa, pra saber quem tá a fim de ir, quem não vai, reações psicológicas e fisiológicas possíveis e imagináveis (isto por enquanto; ainda não foi postado algo inimaginável) povoando a curiosidade de muita gente, incluindo eu mesmo.

Tambaba, Trancoso, Abricó: algumas das praias de nudismo no Brasil. Outras tantas pelo mundo: dezenas (centenas?) de outras pelos litorais afora, conquistadas pelos naturistas para a prática de sua filosofia. Rígida, por sinal - e bem de se esperar: não é qualquer um que tem cuião pra isso. Não basta tirar a roupa; precisa ter cuidado com o meio ambiente e aceitar o corpo que possui. Dizem até que faz bem à saúde, e até compreensível; nu em pêlo, posso ter pelo menos um pouco mais de vitamina D, pois sua produção depende da exposição da pele ao sol.

Como será a experiência? Só indo lá na hora. Numa sociedade tão erotizada como a nossa, os obstáculos são previsíveis. Tem a água do mar pra disfarçar um pouco; um amigo meu comentou da possibilidade de tocar umas antes de entrar na praia, pra não passar vergonha e ser enxotado de lá. Ainda tô meio cético a respeito da ida, mas pouco a pouco tô ganhando um pouco de coragem (e maneirando, obviamente, na sacanagem). Me desejem boa sorte em Tambaba.

(1) Assim como tem Sampa para São Paulo, tem Jampa para João Pessoa. Uma paulistana com quem esbarrei no Fórum Social Mundial, no mês passado, disse que também tem Sanca - São Caetano do Sul.

Um comentário:

Lu Rosário disse...

Ei Lázaro, quer dizer que vc está se preparando para ir a Tambaba? Vc teria coragem mesmo? Soube que lá tem um lugar que pode ir vestido.. ai ai, não sei se teria coragem de ir, teria que me preparar muuuito...rsrsrsrs

Beijão, trem!

Baú de traças